Follow by Email

sábado, 2 de abril de 2011

différance


o que seria dum mundo sem patos
sem quacs 
sem passos desajeitados
sem pés chatos
sem donalds e margaridas
sem tios e sobrinhos
filhos sem pais
ducklings in a row
refletidos
nos olhos que os contemplam
num fim de tarde
o lago e o rio
o espelho e o tempo
0 lapso e o in-between
back and forth back and forth
and so forth and so forth
quac
o vôo transverso de asas curtas e pontiagudas
a micrologia do instant vecu
o passo atrás da abstração no rastro do incomensurável
o silencio do lago rompido
de repente
por um quase 
                         um quasar 
                                              um quac
step forth step back
back and forth
a planagem e o pouso na água
e a difícil arte da flutuação
o contexto e a intenção do ato
e a aceitação do imponderável
e quac!
e pato novamente
o nuncaesempreomesmopato


Nenhum comentário:

Postar um comentário